O Engenheiro Elétrico

O Engenheiro Elétrico poderá projetar e analisar as condições requeridas para o funcionamento das instalações de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, das máquinas e aparelhos de uso industrial e doméstico; projetar instalações, equipamentos e montagens de sistemas de telecomunicações, centrais telefônicas, equipamentos eletrônicos de áudio, rádio, televisão, radar, comunicação por satélites artificiais e aparelhos industriais; projetar instalações, equipamentos e montagens de sistemas de redes de computadores, equipamentos de multimídia, computadores e estações de trabalho; atuar na área de simulações e programações através da análise e síntese de software e hardware de equipamentos industriais, pessoais e de serviços dedicados; preparar projetos e especificações dos métodos de 
construção e de materiais que devem ser empregados na fabricação; projetar instalações elétricas para ambientes hospitalares; projetar equipamentos e montagens de sistemas médico-hospitalares; 
supervisionar os aspectos técnicos dos procedimentos de fabricação, acompanhar a instalação, conservação e manutenção de equipamentos eletro-eletrônicos e eletro-médicos; inspecionar os trabalhos executados para comprovar se obedecem às especificações e normas de segurança, fabricação e de projeto; calcular custo de mão-de-obra e de materiais como também custos de fabricação, instalação, funcionamento, manutenção e reparos; atuar como professor universitário; atuar na área acadêmica, consultoria, empresarial, industrial e gerencial; atuar em áreas multidisciplinares que envolvam conhecimentos básicos de eletricidade, eletrônica, computação e engenharia biomédica.

Indefinido